Whole30 – Dia 2

Hoje é o segundo dia do meu louco projeto de emagrecer 8kg em 15 dias e nenhum deslize foi reportado até o momento.

Ontem foi um dia inteiro de comida whole30 que nos deixou felizes e saciados, embora tenha causado um furacão na cozinha e triplicado o volume costumeiro de panelas, pratos e talheres sujos na pia.

O que ficou bem claro é que durante esses próximos dias preciso deixar pelo menos umas 3 horas reservadas para apenas ir ao mercado, cozinhar e lavar louça – vai continuar assim até contratarmos e treinarmos alguém que cozinhe para nós (e isso, definitivamente, não está nos planos; não agora).

Comecei o dia ofegante sobre a esteira pouco depois das 5h da manhã. O treino foi intercalar 2 minutos de caminhada com 2 de corrida forte até praticamente desmaiar de cansaço. Em seguida, fizemos uma série bem mal criada de exercícios para abdômen e lombar no colchão.

Na hora de voar para o Rio, continuamos obstinados. Nada de lanchinho fuleiro de companhia aérea. Sem cerimônias, levamos nossa sacolinha plástica do Oba com frutas e castanhas para o avião.

whole30 aviao

Ao longo do dia, com a barriga eventualmente roncando, continuamos ignorando os lanches gordurosos pela rua e cedendo exclusivamente àqueles whole30.

Nada fácil, eu diria, porque o mundo está desenhado para nos entupir de porcaria. O que foge disso é apenas uma exceção ou outra que, na maioria das vezes, fica distante, escondida e é cara. Esse, aliás, foi o maior aprendizado até agora.

Whole30 – Dia 1

Esse é o começo do meu mais novo desafio: perder 8kg nos próximos 15 dias.

Tudo porque, ao subir na balança e me assustar com dez (dez!) quilos a mais que os da época da faculdade, resolvi dar um basta. Dois, três, cinco quilos a mais, ok.

Agora, dez? Não, dez, não. Too much.

E como eu funciono por meta curta e resultado imediato, optei por uma transformação (passe de mágica?) de duas semanas, que é o período em que sei meu CEP e consigo estabelecer uma rotina que funciona.

Só que, na hora de definir o objetivo, amarelei. Dos dez quilos, resolvi diminuir apenas oito. Sei lá, me pareceu mais humanamente justo. (Os outros dois vão ficar para uma próxima pauta.)

Para esse desafio, um plano foi criado, incluindo uma nova e extrema rotina alimentar e de exercícios que começam hoje.
.

Alimentação Whole30

Escolhi seguir o programa Whole30 porque já estava no meus planos testá-lo e também porque me pareceu fácil e flexível. Essa coisa de ter pratos específicos a cada dia me deixa desanimada e com preguiça, além de tomar mais do meu tempo do que estou disposta a dedicar.

Para hoje, sem muito ânimo para estudar Whole30, apenas pesquisei no Google o que eu não podia comer e fiz uma lista didática. Agora, ela está impressa e notavelmente grudada numa das paredes da sala.

nao pode whole30

.

Exercícios diários

Como eu me conheço, contratei um personal.

Ilusão minha pensar que eu iria sozinha para a academia do prédio durante esses 15 dias. Mais fácil seria eu aceitar (e até passar a amar) esses novos dez quilos a mais – e celebrar o momento com um cupcake de doce de leite.

Então, para evitar isso, contratei 15 dias de não-desculpa (ou integridade forçada), na forma de alguém chegando aqui no prédio às 5h da manhã, todos os dias, para me treinar.

Romário, o nome dele.

Isso significa acordar todos os dias às 4h20 da manhã para tomar café e me arrumar para uma série de exercícios de 60 minutos, com corrida, musculação e tudo mais que vier à imaginação em termos de me-levar-a-alcançar-a-minha-meta.

Me sinto otimista e disposta, mas levemente atordoada com tudo isso.

É impressionante como eu sempre me deixo abater por longos períodos de apagão e apatia, em que eu simplesmente esqueço da importância de me alimentar bem e de manter meu corpo em movimento. É como se eu dormisse por meses, enquanto passo o dia sentada me entupindo de batata e açúcar.

Espero me manter acordada por mais tempo (quem sabe, sempre), dessa vez.

Dia 9 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

Funciona, é o veredito. Webinário funciona! 🙂

Ontem foi demais! O script funcionou bem demais, com distribuição de conteúdo e pitch excelentes e vendas no final.

Tivemos três vendas (mais um boleto) ao vivo e uma outra venda no replay de hoje. E eu aprendi mais nesses últimos dias que no último mês inteiro.

Os próximos passos agora, além de redistribuir o replay para a lista inteira, são colocar o webinário como evergreen (rodando todos os dias) e começar as campanhas no facebook.

O gráfico foi atualizado e agora faltam “só” 19 mil reais para concluir o desafio – aguarde cenas dos próximos capítulos.

Dia 10 do desafio de 20 mil reais em 20 dias

ps. Amanhã é o dia do nosso primeiro webinário e ainda nem decidimos o conteúdo. Que frio na barriga! (Não faço slides desde a faculdade…)

Dia 8 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

Caramba, dia de webinário!

O Leandro passou a manhã inteira em reunião para finalizar o script da noite e eu fiquei envolvida com outros projetos, também em reuniões.

Uau, tem coisa demais para a gente tomar conta…

Como comentei nesse post, eu nunca fiz webinário e nem sei por onde passa. E, quando penso no formato (conteúdo + venda), logo vem à minha cabeça que existe uma técnica certa e tudo mais.

O que eu não fazia ideia era de quão detalhado era a tal técnica (o script, na verdade), com cada tópico cronometrado e parágrafos estratégicos. À primeira vista, me pareceu complicado demais, mas o Leandro tirou de letra.

Por alguns instantes, pensei nas minhas próprias expectativas para o webinário dessa noite e percebi que, na verdade, eu não estou muito otimista.

Não por não acreditar na qualidade do script ou do produto, mas por nunca ter testado um webinário de vendas antes. Para mim, continua a dúvida de… “será que funciona?”.

Estou curiosa e ansiosa – e imagino que você também esteja.

Amanhã eu volto para contar!

Webinário - Método do Desapego

Dia 7 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

A correria começou!

Segunda-feira foi dia de fazer as malas de Cusco e embarcar de volta para Lima para enfrentar a semana mais corrida da viagem.

Como programado, pousamos e pegamos um uber direto para a nossa nova casa (a quarta em menos de 1 mês!) e ficamos surpresos com quão charmosa ela é.

Peruaninha do jeito que eu queria!

Apartamento Lima Surquillo Airbnb

Apartamento Lima Surquillo Airbnb

Apartamento Lima Surquillo Airbnb

E a primeira coisa que perguntamos para a anfitriã (antes mesmo de “onde fica o mercado?” ou “tem máquina de lavar?” – duas coisas que, nessa viagem, descobrimos ser essenciais) foi: “a internet funciona?”.

[Já imaginou o problemão de não ter internet em casa às vésperas de três webinários? Essa preocupação não saía da minha cabeça desde que começou o desafio…]

“Ah sim, a internet é boa…”, ela disse. Ufa!

Reconhecemos o território, saímos para caçar (e beber chicha morada, uma das melhores surpresas gastronômicas do Peru) e voltamos já com o dia escurecendo.

E, então, booom!

O dia terminou de forma especialmente estressante, com um baque grande e inesperado num dos nossos projetos principais. Se eu acreditasse em breakdown, esse teria sido um (dos grandes).

Fui dormir exausta (abalada?) e especialmente preocupada com o futuro (e com o webinário do dia seguinte).

Tudo certo e sob controle, de qualquer forma.

Ótima oportunidade de exercitar inteligência emocional, não?

Dia 6 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

É, Machu Picchu é mesmo impressionante. Na minha lista, ocupou fácil a segunda linha dos lugares mais lindos que já vi. Se você não foi, anota. Machu Picchu merece.

passeio peru machu picchu

[Fica aqui minha promessa de escrever um post sobre a melhor maneira de conhecer Machu Picchu. Para nós, foi um tanto desafiador filtrar tanta informação desencontrada.]

Embora tenha sido um dia focado em passear, separei alguns minutos para o desafio.

Do alto da montanha e usando meu celular e um microfone Rode (esse daqui), gravei o vídeo abaixo, fazendo uma chamada para nosso webinário de quinta.

Rolou um estresse de leve porque publicar vídeos com minha cara realmente não faz parte da minha zona de conforto, mas saiu (na terceira ou quarta tentativa).

Tirando isso, não avançamos em mais nada: pura miragem. Esses são os instantes finais dos dias de paz e tranquilidade, já que o hardwork se aproxima desenfreado.

Terça temos webinário, quarta temos aula de pratos típicos peruanos, quinta temos outro webinário, na outra semana temos mais um webinário e, enfim, temos o lançamento do nosso curso de ceviche. Isso sem falar de todo o roteiro turístico que pretendemos completar, além das tarefas do meu programa de liderança.

14 dias parecem pouco tempo para o universo de coisas prestes a acontecer e eu sinto medo o tempo todo. Muito comprometimento, muita responsabilidade, alto risco.

Tudo bem. A verdade é que eu amo minha vida louca assim. 🙂

Dia 5 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

O quinto dia foi um dos mais cansativos do ano.

Fiz o primeiro trekking da minha vida em condições tão adversas que fui “obrigada” a entregar os pontos e alugar um cavalo. O lado bom, além da aventura linda, foi o recorde batido: 5.200 metros acima do mar, o que significa mais da metade do Everest.

[A propósito, Himalaya está nos planos; fica avisado, pulmão.]

Esse foi exatamente o problema, eu diria. Assim como eu com açúcar, meu pulmão está tão viciado em oxigênio que bastou uma leve condição rarefeita para ele me deixar na mão. Eu dava 50 passos e precisava descansar 10 minutos – e eu prefiro acreditar que isso tem mais a ver com o oxigênio do que com minha deplorável atual condição física.

Então, se você esperava novidades impressionantes em termos de empreendedorismo e faturamento, hoje não. As novidades se restringiram a escalar a Rainbow Mountain, mascar folhas de coca e tirar fotos com pequenas comunidades de origem quechua.

rainbow mountain comunidade peru

rainbow mountain comunidade peru quechua

Quando voltamos a Cusco, escolhemos antecipar a despedida da cidade porque o dia seguinte seria igualmente cansativo e, em seguida, voltaríamos para Lima. Então, usamos o resto do nosso fôlego para devorar sopas tipicamente peruanas e, no caso do Leandro, uma omelete de alpaca.

[Eu nunca contei isso aqui (esse blog é um bebê e ainda não sabe nada de mim), mas sou bem criteriosa para escolher restaurantes quando estou viajando. O TripAdvisor, aliado a uma leitura bastante intencional de comentários, sempre me leva aos melhores em termos de sabor e peculiaridades locais.]

Com nossa saída para Machu Picchu marcada para as 4h da manhã do dia seguinte, nossa única atividade pró-desafio foi finalizar um disparo de e-mail para o webinário de terça. Ele, cama e apenas mais 15 dias para os 20 mil estarem na nossa conta.

Para quem esperava um final emocionante, está com cara.

Dia 4 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

(Não deixe de ler o p.s.!)

Ontem à noite eu comprei o WebinarJam e foi uma facada! 😛

Essa ferramenta para webinários será fundamental para nossa estratégia de ganhar 20 mil reais em 20 dias e, por isso, investi sem pensar duas vezes.

Custou 397 dólares e eu tive que apelar para o PayPal porque não queriam autorizar meu cartão de crédito de jeito nenhum.

Custo do WebinarJam

Exatamente isso.

Ontem gastamos mais de 1.300 reais com uma ferramenta que nunca testamos antes.

Sabe por quê?

Porque eu acho que vale a pena arriscar.

Eu já entendi que preciso dar passos diferentes quando quero resultados diferentes e, ultimamente, investir às cegas (mesmo sem dinheiro, usando o limite do meu cartão) está virando rotina para mim.

Eu nunca planejo por muito tempo ou espero o momento ideal, nunca tento juntar dinheiro antes de começar. Eu pulo loucamente, apostando o que tenho e o que não tenho, de peito aberto.

E não estou dizendo que essa é a melhor estratégia (se eu fosse mais controlada, talvez tivesse resultados mais expressivos, sei lá), também não estou incentivando ninguém a fazer isso. Só estou compartilhando que é assim que as coisas funcionam comigo e ontem não foi diferente.

Depois que comprei o WebinarJam, acessei a área de membros e dormi. Simplesmente dormi, de tanta preguiça que fiquei de aprender a configurar aquilo… – certeza absoluta de que eu jamais me meteria nisso se não fosse o raio do desafio.

webinarjam painel área membros

Só que, estando completamente comprometida (ainda que com preguiça e mal humor), voltei a encarar o WebinarJam hoje de manhã.

Fiquei por conta dele das 7h às 11h, tempo suficiente para entender completamente como a ferramenta funciona e configurar do início ao fim o primeiro webinário do nosso projeto (está aqui o link, caso você esteja curioso para ver como ficou).

Se você não faz ideia do que eu estou falando, vou explicar.

Na próxima terça, vamos entrar ao vivo com um webinário gratuito sobre relacionamento, focado em ajudar pessoas que querem esquecer ou reconquistar o grande amor.

Vai funcionar assim, disponibilizaremos um conteúdo de muita qualidade (algo que realmente faça diferença na vida das pessoas que assistirem) e, ao final, ofereceremos o Método do Desapego para quem escolher investir no curso completo.

Webinário Método do Desapego

Resumindo: num webinário, você entrega muito valor para as pessoas, faz uma oferta no final e (se tudo acontecer direitinho) 5 a 10% compram o produto.

É isso que vamos fazer na próxima semana e, de todas as opções de ferramentas, escolhemos o WebinarJam por ser a que todo mundo usa e porque realmente parece ser a melhor.

O que eu descobri de ontem para hoje é que dá para fazer webinário de qualquer coisa e é muito fácil.

Na minha mais honesta opinião, depois de estudar um pouquinho sobre webinários, não conseguir ganhar dinheiro passa a ser a desculpa mais esfarrapada do mundo (me incluo nisso).

E quer saber de uma coisa?

Se nada der certo até o final do desafio e eu terminar zerada, ter criado coragem para conhecer e dominar o WebinarJam já vai ter valido os 20 mil.
.

p.s. Se você também estiver querendo os 20 mil reais em 20 dias e não sabe o que fazer, já imaginou criar um webinário também? Pensa comigo, você poderia ensinar qualquer coisa… E antes que você pense que não vai dar certo porque você nunca fez isso antes: eu nunca fiz isso antes.

p.p.s. Logo depois de assinar o WebinarJam, criei meu link de afiliada e deixei aqui nesse post. Ou seja, agora eu ganho comissão cada vez que alguém comprar a ferramenta pelo meu link. Então, se você for assinar, faça o mesmo para também ganhar comissão quando for compartilhar com seus amigos. 😉

Dia 3 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

Hoje foi um dia cheio.

Começou com uma reunião com o Edvan que, pela minha experiência em conversas-bobas-que-mudam-o-rumo-do-(meu)-mundo, foi o início de algo gigante.

Deixa eu contextualizar…

Sabendo dessa brincadeira maluca de ganhar 20 mil reais em 20 dias, o Edvan mandou um WhatsApp dizendo “pô, por que a gente não faz um webinário?”. “Bora!”, respondemos.

Ficamos de definir os detalhes às 9h30 do Brasil (ou 7h30 de Cusco) e, com poucos minutos de reunião, percebemos que o Infoprodução (nome desse nosso novo projeto) não estava com cheiro de temporário.

Marketing digital é o que nós três amamos e é um assunto do qual simplesmente não conseguimos escapar (vivemos isso todos os dias, é nossa “conversa de bar”), mas nunca tivemos vontade (coragem?) de ensinar – ao menos não oficialmente.

E esse webinário veio para esfregar isso na nossa cara. “Ei, o que estamos esperando?”, nos confrontamos. Nada, não estamos esperando mais nada.

Percebemos que nos comprometeríamos com esse projeto por longo prazo, que o teríamos como core business, se fosse o caso. E, com essa conversa e descoberta, o desafio começou a ganhar forma de negócio. Caramba, será?

Foi com isso na cabeça que partimos para um city tour em Cusco que nos manteve desconectados boa parte do dia, visitando sítios arqueológicos, abraçando lhamas e tirando fotos de montanhas.

City Tour Cusco

City Tour Cusco

Entre ponchos e disparos automáticos, a verdade é que eu passei o dia pensativa e com medo. Rolou até uma culpinha de leve por estar passeando ao invés de trabalhar. Identifiquei: falta de ação, o nome disso.

Vou ali trabalhar, então, que eu tenho uma ferramenta inteira de webinário para aprender. Assim, eu injeto um pouco de integridade nessa minha vida bandida.

Amanhã, volto para contar o que aprendi.

Dia 2 – Desafio de ganhar 20 mil reais (extra) em 20 dias

Opa! Nós saímos do zero! 🙂

Lembra que uma das ideias para ganhar 20 mil reais em poucos dias era conseguir alugar nosso apê em Brasília (já que estamos passando um mês no Peru)?

Pois é, alugamos!

Um casal fez reserva para 8 dias, o que nos colocou com o saldo positivo de 630 reais.

Loucura, né?

Eu não esperava que alguém fosse aparecer com tão pouca antecedência, mas, veja só, apareceu!

(E eu sigo corajosa e de coração apertado, treinando desapego ao hospedar desconhecidos lá em casa.)

Com esse anúncio abaixo, 17 pessoas (em duas semanas) pediram para alugar nosso apartamento:

anuncio airbnb apartamento águas claras brasília

Primeira lição do desafio:

Se você precisa de dinheiro urgentemente, você pode simplesmente tirar férias na casa dos seus pais e alugar sua casa. Fizemos isso e em 2 dias, com uma única reserva, ganhamos 630 reais.

.


Agora, vamos ao que eu prometi ontem, que foi contar quais projetos escolhemos assumir para o desafio.

Projetos que escolhemos

1. Afiliar o Método do Desapego
2. Fazer um webinário com o Edvan
3. Cobrar dívidas antigas
4. Vender um contrato para nossa lista
5. Criar um curso nosso de ceviche (bônus)

É isso. Estamos apostando o resultado do nosso desafio (ou seja, ganhar 20 mil 19,4 mil reais nos próximos dias) com essas cinco ações – com as quatro primeiras, na verdade, porque a última é só para nossa diversão.

O inacreditável é que, como eu disse, nenhum desses projetos estava em nosso radar antes do desafio acontecer.

Outra novidade interessante é que começamos a nos movimentar para receber das pessoas que nos devem e olha só isso: já temos mais de 10 mil reais de dívidas antigas para receber nos próximos dias.

(Essa era uma grana que a gente nem contava.)

Bem, voltando aos projetos, agora que temos um norte, a aventura vai começar de verdade.

Ontem, enquanto jantávamos num restaurante tipicamente peruano (daqueles que eu amo, pequeno e exclusivo, no quintal de uma casa), esboçamos nosso cronograma:

Nosso cronograma para o desafio de 20 mil reais em 20 dias

Nosso cronograma

15/09: city tour por Cusco (oba, vai ter fotos!)
16/09: finalizar estrutura do Método do Desapego
17/09: Machu Picchu!!!
18/09: Montanha das 7 cores!!!
19/06:
voltar para Lima
20/06: webinário do Método do Desapego

21/06: curso de ceviche
22/06: webinário de marketing com o Edvan

26/06: lançar nosso curso de ceviche
29/06: vender um contrato para nossa lista
30/06: voltar para o Brasil

Muita coisa para fazer, muita coisa para aprender…

E só de pensar nisso, eu sinto muito, muito medo. A boa notícia é que eu já conheço esse medo e levo ele junto comigo. E quanto nós fazemos business (eu e meu medo) o resultado costuma ser excelente. 🙂